Relatório Anual e
de Sustentabilidade

G4-3 G4-4 G4-5 G4-6 G4-7 G4-8 G4-9 G4-EU1 G4-EU4

A Chesf

 

Gerar energia de forma limpa e eficiente e garantir sua entrega a clientes e consumidores são compromissos que movem o dia a dia da Chesf

 

Parte das Empresas Eletrobras, a Chesf (Companhia Hidro Elétrica do São Francisco) é concessionária de um dos maiores sistemas de geração e transmissão do Brasil, com um parque de mais de 10 mil megawatts (MW) de capacidade instalada.

Sociedade anônima de capital misto com sede em Recife (PE), a Companhia foi constituída por meio da 1ª Assembleia Geral realizada em 1948 e atua na geração, transmissão e comercialização de energia elétrica no território brasileiro.

O processo de geração de energia da Chesf se concentra no Nordeste e é influenciado pelo regime hidrológico da região. Ao todo, a Companhia possui 13 usinas hidrelétricas – com 10 reservatórios que totalizam um armazenamento de 56,8 bilhões de metros cúbicos de água – responsáveis por 99,9% de sua produção total de energia em 2016. Possui ainda uma usina térmica biocombustível que, junto com as hidrelétricas, totalizam uma produção de 10.613,13 MW de potência instalada.


Capacidade instalada da Chesf

Total 10.613,13
Usinas Rio  Capacidade instalada (MW) 
Hidrelétricas 10.268,33
Sobradinho São Francisco 1.050,30
Luiz Gonzaga (Itaparica)  São Francisco 1.479,60
Apolônio Sales (Moxotó) São Francisco 400,00
Paulo Afonso I São Francisco 180,00
Paulo Afonso II São Francisco 443,00
Paulo Afonso III São Francisco 794,20
Paulo Afonso IV São Francisco 2.462,40
Xingó São Francisco 3.162,00
Funil Rio de Contas 30,00
Pedra Rio de Contas 20,01
Boa Esperança Parnaíba 237,30
Curemas Piancó 3,52
Araras (*) Acaraú 4,00
Termelétrica 346,80
Camaçari (**) 346,80
(*) Concessão aguardando extinção pelo MME após recomendação da ANEEL.
(**) Em processo de encerramento da concessão. Todas as unidades com operação comercial suspensa.

 

A produção de energia da Chesf é assegurada às regiões Norte e Sudeste/Centro-Oeste por meio de um sistema de transmissão composto por 20.313,3 km de linhas que operam com níveis de tensão variando de 69kV a 500 kV, e abastecem o Sistema Interligado Nacional (SIN).

 

Extensão das linhas de transmissão da Chesf, por nível de tensão

 Total  20.313,3
 KV  KM
69 311
138 462,6
230 14.167,8
500 5.371,9

O Sistema de Transmissão também conta com o apoio de 114 subestações de potência e mais 14 subestações elevadoras de usinas. Com 9.815 km de cabos de fibras ópticas OPGW2, a Companhia consegue enviar energia elétrica ao consumidor final de forma estável, com alta velocidade e baixa perda, oferecendo um serviço confiável e de qualidade.

A Chesf diversifica seus investimentos em outros empreendimentos de geração e transmissão por meio de Sociedades de Propósito Específico (SPEs). A maior participação da Companhia em SPE refere-se a parques de geração eólica, 40 no total, e em outras quatro usinas hidrelétricas. Nesses empreendimentos, a Chesf conta com uma capacidade instalada equivalente de 1.015 MW e 15.644 MW, respectivamente. Os empreendimentos de transmissão são compostos por 5.296,5 km de linha de transmissão e 10.650 MVA de capacidade de transformação equivalente.

 

 

Fonte  Potência (MW)  Números de
usinas
/Parques
Linhas de
transmissão
(KM)
Número de
subestação
/conversora 
Capacidade de
transformação
(MVA/MW/MVAR) 
Instalações
próprias*
Hidrelétrica 10.266,33 13  20.313,3  128  55.947
Térmica 346,80 1
Instalações em
Sociedade (SPE)**
Eólica 0 5.306,5 9/2 10.650 / 6100/1022
Hidrelétrica 15.644,10
Eólica 918,70 40
* Geração Hidrelétrica: Sobradinho; Luiz Gonzaga (Itaparica); Apolônio Sales (Moxotó); Paulo Afonso I; Paulo Afonso II; Paulo Afonso III; Paulo Afonso IV; Xingó; Funil; Pedra; Boa Esperança; Curemas; Araras. Geração Térmica: Camaçari. ** Geração Hidrelétrica: Energética Água da Pedra S.A.; ESBR Participações S.A.; Norte Energia S.A.; Companhia Energética SINOP S.A. Geração Eólica: Complexo Eólico Sento Sé I; Complexo Eólico Sento Sé II; Complexo Eólico Sento Sé III; Complexo Eólico Vamcruz; Complexo Eólico Chapada do Piauí I; Complexo Eólico Chapada do Piauí II; Complexo Eólico Pindaí I; Complexo Eólico Pindaí II; Complexo Eólico Pindaí III; Complexo Eólico Serra das Vacas. Transmissão: Sistema de Transmissão Nordeste S.A. – STN; Integração Transmissora de Energia S.A. – INTESA; Manaus Transmissora de Energia S.A.; Interligação Elétrica do Madeira S.A.; Transmissora Delmiro Gouveia S.A. – TDG; Interligação Elétrica Guaranhuns S.A. – IEG; Extremoz Transmissora do Nordeste S.A. – ETN.