Relatório Anual e
de Sustentabilidade

G4-EN23

Resíduos

A gestão de resíduos é realizada pela área de meio ambiente, que controla e monitora o cumprimento da legislação e exigências ambientais para o manejo de produtos e resíduos perigosos. Para isso, a área implementa os procedimentos para manuseio, operação, manutenção, transporte, armazenamento e descarte final de produtos perigosos (Classe I e Classe II A e B), atendendo, inclusive, o que preconiza o Art. 9º da Lei nº 12305/2010 (Política Nacional de Resíduos Sólidos). Em 2016, o volume de resíduos gerados chegou a 993 toneladas.

 

Total de resíduos perigosos e não perigosos (toneladas)

Total de resíduos gerados  2.545,26  1.170,33  993,085
2014 2015 2016
Resíduos perigosos – Classe I 263,46 126,54 38,005
Resíduos não perigosos – Classe II A 1.856,16 680,06 955,08
Resíduos não perigosos – Classe II B 425,64 363,66
Resíduos de serviços de saúde 0,07
Reutilização
Reciclagem 75,97 30,00
Compostagem
Recuperação, inclusive recuperação de energia 35,65 10,56
Incineração 132,84 0,07 0,00
Injeção subterrânea de resíduos
Aterro municipal 1.042,03
Aterro industrial 0,42 938,42
Armazenamento no local 35,4 28,524